Lobo-marinho-sul-americano


• Nome científico: Arctocephalus australis
• Classe: Mamífero
• Hábitos alimentares: Carnívoro
• Status de conservação: Menos Preocupante


Informações gerais:

São sociais e vivem juntos em colônias ao longo da costa. Eles costumam pescar em grupos. Eles passam a maior parte do seu tempo nadando, mas durante a época de reprodução passam o dia na terra. Eles têm nadadeiras dianteiras longas para ajudá-los a se deslocar nos costões rochosos. Para comunicar-se usam ruídos vocais, sendo que a mãe e seu filhote tem uma chamada especial individual para cada par. Estudos indicam que os filhotes só reconhecem a voz de sua mãe.

Longevidade:

Pouco se conhece sobre a longevidade dessa espécie, podendo estar entre 12 e 30 anos.

Dieta:

Em ambiente natural consome peixes, camarão, lagosta, lula e krill. No Aquário de São Paulo consome principalmente variedade de peixes.

Tamanho:

2m.

Peso:

200kg.

Distribuição geográfica:

Se distribuem pela costa sul-americana (Peru, Argentina, Uruguai, Chile e Brasil).


Conservação:

As pescas industriais do Peru ameaças os recursos alimentares desta espécie. Além da ameaça por limitação de alimento, os lobos-marinhos-sul-americanos são ameaçados por captura acidental e outras interações com pesca.

Habitat:

Passam seu tempo tanto em terra quanto no oceano. Nos períodos de reprodução passam o dia nas costas do Peru, Argentina, Uruguai e das Ilhas Falkland. Em terra, preferem áreas rochosas para protegê-los do sol, sendo capazes de mover-se facilmente na terra e de subir ladeiras íngremes. Quando eles não estão em época de reprodução geralmente estão no oceano.

Reprodução:

São polígamos, onde os machos copulam com mais de uma fêmea por período reprodutivo. Os machos competem por território e fêmeas entre Outubro e Dezembro. A razão de machos para fêmeas é maior do que qualquer outro mamífero, indicando que um macho copula com mais fêmeas por período reprodutivo do que qualquer outra espécie que forma haréns.

Localização no Aquário de São Paulo:

Setor Mamíferos Aquáticos.